Sites de apostas fora do ar

Última atualização:

É raro, mas pode acontecer: sites de apostas fora do ar exatamente naquele momento em que queremos fazer um cash out ou aproveitar aquela molezinha que paga bem.

Eventualmente, fatos nada usuais derrubam um pedaço da internet mundo afora, e isso pode explicar as casas de apostas fora do ar em momentos inoportunos.

Além de problemas na internet que deixaram o bet365 fora do ar por algumas horas, por exemplo, outras questões mais graves podem fazer com que um site de apostas feche suas portas para sempre.

Por que há sites de apostas fora do ar?

Existem vários motivos que podem deixar sites de apostas fora do ar. A primeira coisa que pensamos, depois de verificar que a nossa internet está ok, é um ataque hacker ou algo do gênero.

Só que nem sempre a razão é essa. Aliás, é relativamente raro, pois, como já mencionamos, as plataformas são bastante seguras.

Principais motivos para um site estar fora do ar

  • Problemas nos servidores
  • Instabilidade na plataforma
  • Manutenção do site
  • Encerramento definitivo das atividades
  • Restrição de acesso no país
  • Ataque hacker

ESC Online sofreu ataque

Em 23 de junho de 2020, o Estoril Sol Casino, mais conhecido como ESC Online, detectou uma tentativa de ataque cibernético à plataforma. Como solução, o site de apostas ficou fora do ar por vários dias até reforçar a sua segurança. Enquanto isso, as autoridades portuguesas investigavam o caso.

Foram afetados os usuários do ESC Online de todo o mundo.

Outros motivos são a manutenção dos servidores, justamente para evitar outra razão desagradável e que às vezes é de solução mais demorada, que são os problemas nos servidores.

Esses problemas podem ser de ordem física ou de configuração, mas, não importando a razão, essa situação prejudica milhões de pessoas ao redor do mundo.

bet365 fora do ar: domingo perdido

O dia 30 de agosto de 2020 foi bastante desagradável para muitos usuários do maior site de apostas.

Com o bet365 fora do ar, além de outros gigantes da internet, como Amazon, eBay e até a Cloudflare, o maior serviço de provedores do mundo, ficou nítida a importância de ter conta em mais de uma casa de apostas online.

Enquanto muitas boas apostas deixavam de ser feitas na bet365, sites como a Betfair ou 1xBet funcionavam normalmente. Por um problema com uma empresa prestadora de serviços à Cloudflare, 3,5% do tráfico global da internet foi afetado naquele dia, de acordo com a Forbes.

A imagem abaixo é do Down Detector, site em que usuários reportam problemas com acesso. O gráfico mostra que, entre as 8h e 11h, as reclamações de usuários sem acesso ao bet365 foi enorme, mas os serviços foram totalmente normalizados após 4 horas.

bet365 ficou fora do ar por 3 horas

Outros sites de apostas fora do ar

Problemas semelhantes já aconteceram com outras grandes plataformas. Há relato pela internet da Betfair fora do ar, do Netbet fora do ar... enfim, é possível que todo site de apostas tenha seus momentos offline, ainda que na maioria das vezes seja para manutenção programada.

Há, também, situações em que as coisas não saem como planejado. O KTO, site de apostas que tem um histórico de problemas, prometeu aos seus apostadores uma reformulação completa do site para setembro de 2020.

Colocou contagem regressiva no site, criou vídeo para o YouTube e, na data prevista, nada aconteceu. Dias depois, o site proibiu os saques, o que gerou desconfiança generalizada.

Finalmente, para a sorte de quem se arrisca por lá, o site voltou ao normal, mas sem grandes alterações.

💡 Uma solução para minimizar os momentos sem poder apostar é ter contas em mais de um site de apostas confiável, como os que indicamos aqui no ApostasEsportivas24.com.

Melhores casas de apostas online: sites recomendados

bet365 Logo
bet365
Bônus de boas-vindas
100% até R$200
Apostas com seguro
Empate não tem aposta (0x0)
BC365
Até R$200 em créditos de aposta para novos clientes no bet365. Depósito mínimo de R$30 e rollover de 1x para liberar o bônus. Requisitos mínimos de apostas, exclusão de meios de pagamento e de jogos se aplicam. Limites de tempo e termos e condições se aplicam.
Detalhes

Casas de apostas fechadas: os motivos de falência

Assim como em qualquer empresa, no ramo de apostas há companhias que fecham as portas por não administrarem corretamente seu capital. É sempre importante que o saldo de uma marca de apostas seja gerenciado de modo que a banca não quebre.

Isto é, as empresas devem estar preparadas para imprevistos do esporte. Afinal, as odds de apostas no azarão costumam ser altíssimas, e se por sorte do jogador, o menos provável ganhar, o prêmio pode chegar a um valor exorbitante.

E se várias pessoas forem sortudas no mesmo evento, isso gera um déficit para a banca de apostas. Portanto, os fundos de pagamento de prêmios devem ser mantidos para precaver-se de tais situações, sem gerar a falência do site.

É sempre aconselhável verificar quais marcas estão em nossa “lista negra”, para evitar prejuízos e futuros problemas. E também, é claro, acompanhar sempre nossa lista de casas recomendadas.

Promoções e bônus mal elaborados: consequências

Promoções e bônus mal feitos podem ter efeitos devastadores

Quase todos os sites de apostas oferecem bônus para atrair os usuários e gerar novos cadastros. Mas toda promoção de boas-vindas deve ter condições de saque para que não haja prejuízo ao operador.

Sem os requisitos de rollover, o usuário poderia simplesmente se registrar em uma plataforma, obter bônus e imediatamente sacá-lo, sem fazer apostas usando seu próprio dinheiro.

Para compensar tal risco é que as casas de apostas elaboram regras rígidas de concessão de crédito extra. Além do rollover, elas definem odds mínimas e costumam restringir apostas com cash out. Se um operador planeja suas promoções sem se atentar a tais detalhes, o dano pode ser altíssimo.

Ao mesmo tempo que, se as regras não forem claras, surgirão reclamações dos jogadores a respeito da casa de aposta, citando que ela não paga os bônus e age de má fé.

Todos os detalhes importam nos sites de apostas

Se um operador não tem várias alternativas de depósito e saque para seus membros, ele acaba perdendo potencial de novos cadastros. Os usuários gostam de opções de pagamento que sejam rápidas e fáceis de usar

Ter diversos meios de pagamento pode parecer algo óbvio, mas há sites de apostas que insistem em oferecer apenas o cartão de crédito. No Brasil, o boleto ainda segue como um dos métodos favoritos no mundo online, assim como a transferência bancária. 

Há marcas que já incluem as criptomoedas, como o Bitcoin, entre suas alternativas de depósito e saque. Quanto mais variedade, mais potenciais jogadores uma marca pode conquistar, visando os diferentes perfis de investidores.

Mudanças na regulamentação

As autoridades de jogo estão sujeitas a alterações em seus regulamentos, e isso pode gerar o encerramento de operações de empresas. Aquelas que não seguem as novas normas não podem continuar com a licença.

Um exemplo é o caso de Portugal. O mercado era aberto para a prática online de jogo, porém, o governo lançou medidas que restringiram o serviço das casas de apostas. Somente são consideradas 100% regularizadas no território português aquelas que possuem a licença emitida pelo SRIJ.

Com isso, houve uma debandada dos operadores internacionais, que deixaram de oferecer suporte aos usuários portugueses ou simplesmente, encerraram as atividades.

Competição agressiva do mercado de apostas

Já dissemos neste artigo que é alto o número de sites de apostas esportivas em português. Com isso, é grande a competição entre as marcas para conquistarem clientes. Não somente as odds altas fazem a diferença, mas também outros critérios conquistam os membros e os mantém ativos.

Bônus, apostas grátis, interface intuitiva, aplicativo mobile e suporte 24 horas são apenas alguns exemplos daquilo que é esperado no mercado de palpites. Ou seja, é preciso ter um serviço que ofereça qualidade e comodidade, com termos e condições transparentes e justas para o usuário.

De qualquer forma, há operadores que insistem em não se adequarem ao mercado local. Usam o mesmo sistema e abordagem para todos os países onde atuam, de modo que o jogador não consegue se identificar com a marca. Sem contar graves problemas de tradução, que acabam manchando a reputação de uma plataforma.

Alteração de marca e fusão de empresas

Nem todo encerramento de serviço está ligado à falência de uma companhia. Há grupos que possuem vários sites de apostas e, seguindo estudos e relatórios, eles podem desativar certas marcas, fazendo assim o redirecionamento dos jogadores.

Como citamos anteriormente, este foi o caso do Dhoze, do Betsson Group, que foi desativado. Por motivos internos, os detentores da marca chegaram à conclusão que seria mais lucrativo transferir os apostadores do Dhoze para o Betsson, em vez de manter ambas as plataformas.

Fraudes e golpes

Aqui está uma das piores situações para fechamento de uma casa de apostas: fraudes de jogo. Diversas plataformas de apostas ilegais operam na internet, sem qualquer tipo de amparo legal para os jogadores.

Geralmente, são bancas de apostas de cambistas, que existem no mundo físico e apelam para o ambiente virtual. No Brasil, tal tipo de prática se trata de contravenção penal. O jogo ilegal não oferece segurança, muito menos garantia de pagamento. No ApostasEsportivas24.com, nunca recomendamos as casas de apostas sem licença ou empresas que cometem golpes. 

Mas há também casos de casas licenciadas que prestam um serviço de tão baixa qualidade - por diversos motivos - que devem ser evitados. Fazemos o possível para avisar nossos leitores a respeito dos sites de apostas não recomendados. São páginas ainda ativas, mas que já não oferecem alta qualidade e têm chances de ficarem fora de operação em breve.

Sites de apostas fora do ar permanentemente

Elencamos abaixo as marcas que não se encontram disponíveis para apostas e o que conseguimos coletar de informações sobre os motivos que levaram as casas de apostas a ficarem fora do ar definitivamente.

24win

Desde 2017 o 24win está fora do ar. A companhia simplesmente deixou o portal offline, sem maiores explicações. Com isso, vários usuários queixaram-se de problemas de saques. Por ser licenciada, felizmente os jogadores puderam recorrer à autoridade de jogos para reclamar a retirada de seus saldos.

Flamantis

O Flamantis também ficou offline sem explicações. Criado em 2015, ele começou a operar no Brasil em 2017, mas no fim de 2018, já não conseguiu manter o negócio. Pouco se sabe sobre os motivos da falência da companhia.

Dhoze

A marca fazia parte do conglomerado Betsson Group, um dos gigantes do setor de jogos online. Os demais sites da rede continuam ativos, como o gigante Betsson e o Casino Euro. Aqui, podemos concluir que o Dhoze encerrou as atividades por questões estratégicas da empresa, e não exatamente por má administração.

Os antigos usuários foram redirecionados a outros produtos do grupo.

Premiwin

Antes do encerramento do Premiwin, já tínhamos adicionado a marca à lista de não recomendadas, justamente porque recebemos várias reclamações de nossos leitores. Eles se queixavam da demora no pagamento dos prêmios.

Yourbet

A aventura do Yourbet durou pouco tempo. O site chegou ao Brasil pouco depois de estrear no mundo das apostas esportivas, e investiu pesado, inclusive patrocinando algumas rodadas do Brasileirão de 2019. Mas não caiu nas graças dos apostadores e fechou suas portas no final de outubro do mesmo ano.

*Winner

A plataforma ainda existe no Brasil, porém, apenas na versão de cassino. O site de apostas Winner não está mais disponível em português, apenas em inglês.

Enfim, sites de apostas fora do ar normalmente causam desconforto e atrapalham a nossa rotina e diversão, mas não devem ser motivo de preocupação para quem investe em plataformas confiáveis.

Perguntas frequentes sobre sites de apostas fora do ar

Por que os sites de apostas ficam fora do ar?
Entre as razões mais comuns estão ataques cibernéticos, manutenção de servidores e problemas com os servidores. E não importa o tamanho da empresa e todo o seu sistema de segurança. Eventualmente isso pode acontecer. É claro que sites mais seguros tendem a sofrer menos esse tipo de problema.
bet365 fora do ar. O que acontece?
Nas raras ocasiões em que há grandes sites de apostas fora do ar, não é um fato isolado. Algum grande problema está acontecendo com a internet mundo afora. Da última vez, o problema causou uma queda de 3,5% no tráfico mundial da internet, e, além do bet365 fora do ar, também foram afetados sites como Amazon, e-Bay e até a Cloudflare.